[A-4 2018] Comparativo entre os cadastramentos dos Leilões de 2017 e o A-4 2018


Dia 05 de janeiro encerrou-se o prazo para cadastramento dos projetos que desejam disputar o Leilão A-4 2018. A Portaria MME nº 465, de 30 de novembro de 2017, prevê a realização do pleito no dia 4 de abril, com participação exclusiva das fontes renováveis (Eólica, Biomassa, Solar e Hídrica). De acordo com as informações fornecidas pela EPE, do total de projetos cadastrados, 77% optaram por aproveitar o cadastramento oriundo dos Leilões de 2017.

A referida portaria estabelece os prazos para apresentação dos documentos adicionais ao cadastramento. Para o mês de janeiro alguns marcos deverão ser cumpridos, conforme indicado a seguir.

O cadastramento para o Leilão A-4 de 2018 teve um acréscimo de 78 projetos com 2.904MW de potência em relação a 2017, já descontados os vencedores dos certames.

As fontes eólica e fotovoltaica são novamente os destaques do cadastramento, sendo responsáveis por 93% do total dos projetos. A fonte eólica segue como o principal produto do Leilão de Energia Nova.

A fonte solar fotovoltaica continua crescendo em ritmo acelerado, sendo a fonte que mais adicionou projetos em comparação ao leilão de 2017.

Para a fonte Biomassa, houve uma redução de 7 projetos, que totalizam 350MW. Nos leilões de 2017 foram negociados 7 usinas com 202MW.

Considerando os projetos Hídricos, apenas para PCHs houve o acréscimo de empreendimentos, 5 que somam 102MW. Para os demais, uma UHE de 108MW e 13 CGHs, 27 MW, não optaram pelo recadastramento.

O ePowerBay acompanha os processos referentes aos leilões e fornece aos agentes as informações necessárias em cada fase, para que a tomada de decisão do empreendedor tenha seus riscos mitigados.

Saiba mais sobre nossos trabalhos e como podemos auxiliar-lo em cada etapa.

www.epowerbay.com | contato@epowerbay.com

#Leilão2017 #LeilãoA42018

Banner Site 240x400.jpg
Posts Recentes
Arquivo