• André Felber, Afonso Lugo, Fernando Witzel

Ranking Operacional Solar - Maio 2018


As informações operacionais dos parques solares referentes ao mês de maio foram publicadas pela CCEE (Infomercado) e com base nestes dados o ePowerBay divulga o ranking dos projetos com maior eficiência no mês.

O Ranking traz informações técnicas dos projetos, histórico de operação, bem como os proprietários e os contratos de venda de energia. Um novo dado que consta no ranking é o Fator de Dimensionamento dos Invesores (FDI), que é a relação entre a potência nominal dos inversores (corrente alternada) e a potência máxima dos módulos (corrente contínua), quanto menor essa relação, mais superdimensionados estão os inversores.

Os projetos estão localizados em 3 estados:

PIAUÍ:

Nova Olinda 10, 11, 12 e 13 (Enel)

Sobral I e Sertão I (Global Power Generation).

Os 6 projetos totalizam 180 MW e um FC médio de 28,5%;

BAHIA:

UFV Lapa 2 (Enel) com 30 MW, com FC de 27%;

MINAS GERAIS:

Pirapora 5, 6 e 7 (EDF/CANADIAN), que totalizam 90 MW e um FC médio de 27,4%;

Usuários premium do ePowerBay têm acesso completo a todos dados de forma dinâmica, podendo fazer downloads dos arquivos Google Earth destes projetos, das subestações e linhas de transmissão.

PROJETOS ENEL GREEN POWER

Estado do Piauí

O projeto que foi o mais eficiente no mês de Maio é o Nova Olinda 11 com 29,5% de fator de capacidade. Também aparecem no top 10 os projetos Nova Olinda 10, 12 e 13 do mesmo cluster, que possui uma potência total de 210 MW e 283,5 MWp (conforme visto no video institucional da Enel). Levando em consideração estas informações o FDI (Fator de Dimensionamento do Inversor) do projeto é de 0,74.

Este cluster foi negociado no 7º LER 2015 com tarifa atualizada de 344,93 R$/MWh.

Estado da Bahia

O único projeto da Bahia que aparecem no ranking dos 10 projetos mais eficientes do mês de Maio é o Lapa 2 (30MW) da Enel Green Power, com um fator de capacidade de 27,0%.

O projeto fica ao lado de Lapa 3 (30MW) e ambos estão conectados no barramento de 230 kV da SE Bom Jesus da Lapa. Na mesma região a empresa possui os projetos Bom Jesus da Lapa I e II que se conectam no barramento de 69 kV da mesma subestação.

Estes projetos foram negociados no 7º LER 2015 no valor de R$ 304,83 para Lapa e R$ 303,83 para Bom Jesus da Lapa, somando 120 MW de potência no total.

Em outra região do estado estão os clusters de Ituverava e Horizonte MP que neste mês não ficaram no top 10.

Os projetos Horizonte MP (77,4 MW) negociaram energia no 7º LER 2015 ao valor atualizado de 347,79 R$/MWh, já os projetos Ituverava (196 MW) também de propriedade da Enel, que negociaram no 6º LER 2015 ao valor médio de R$ 214,85.

Imagens do google de Agosto de 2017, mostram o cluster Ituverava ja finalizado e o Cluster Horizonte em construção.

PROJETOS GLOBAL POWER GENERATION (GAS NATURAL FENOSA)

Os projetos Sertão I (30 MW) e Sobral I (30 MW), completam o ranking, com FC de 29,2% e 28,8% respectivamente. Negociaram energia no 7º LER 2015 com tarifa média atualizada de 345,7 R$/MWh.

Estão localizados na mesma região do cluster Nova Olinda, no interior do Piauí e são de propriedade da empresa Gás Natural Fenosa, sediada na Espanha e operam o projeto através de sua empresa, GPG – Global Power Generation em participação com a PVH Brasil Projetos Renováveis Ltda (85% GPG e 15 % PVH).

De acordo com informações disponíveis no site da empresa, os 2 projetos totalizam 70,2 MWp, desta forma o FDI do projeto é de 0,85.

PROJETOS EDF e CANADIAN

Os projetos pertencentes ao Cluster Pirapora, localizados em Minas Gerais, seguem performando muito bem com o destaque para o Projeto Pirapora 7, que atingiu 27,7% de FC. Os projetos Pirapora 6 e Pirapora 5 também aparecem na lista dos 10 mais eficientes.

Este cluster de Pirapora possui potência de 150 MW e negociou seus contratos no 7º LER - 2015 ao preço médio atualizado de 339,78 R$/MWh.

Na mesma região estão em operação outros projetos da EDF, Vazante 1, Vazante 2 e Vazante 3, (81 MW) negociaram PPA no 6º LER - 2014 ao preço médio atualizado de 266,73 R$/MWh.

Os projeto Pirapora 2, 3 e 4 (90 MW) entraram em operação comercial no final de junho portanto ainda não estão no Infomercado da CCEE. Estes projetos negociaram energia no 8º LER 2015, e tem tarifa média atualizada no valor de 333,74 R$/MWh.

Os 11 projetos somam 321 MW, estes projetos tem potencia Pico de 400 MWp. Levando em consideração estas informações o FDI (Fator de Dimensionamento do Inversor) do projeto é 0,80.

A composição societária da EDF e CANADIAN em todos os 11 projetos é de 80% e 20 % respectivamente (PARACEMP ANEEL).

Receba atualizações detalhadas do Ranking Mensal dos Projetos Solares e Eólicos e tenha acesso completo a base de dados da plataforma ePowerbay.

Solicite Mais Informações

Estamos a disposição para auxiliar em qualquer etapa de seu negócio.

contato@epowerbay.com

Cadastre-se

#mercado #energiasrenovaveis

486 visualizações